A Cota da "Maricota"

Passados já dez dias do feriado do “Dia da Consciência Negra”, mesmo atrazado este PTrem não vai passar “em branco”, isso porque escuto nos vagões alguns passageiros que ainda discordam de cotas nas universidades. Apesar da polêmica este PTrem se mantém na linha e firma sua posição ao apresentar este clip que ao meu ver diz tudo.
Musica: Yayá Massemba
Autor: Roberto Mendes
Interprete: a nossa diva Maria Bethânia ou “Maricotinha” ou “Maricota”

É por isso que como devoto também de “São Vinícius de Moraes”, sigo pra ser o segundo “branco mais preto do Brasil” (Samba da Benção)
Saravá
!!!

Anúncios

A mídia é igualzinha a lingua da vizinha…

Acabou a enchente e começa o rescaldo.O que esse povo besta joga nos corregos e bueiros nessas ocasiões é de uma estupidez sem limites. Eu já vi de tudo, até carroça com burro e tudo foi jogado a alguns anos no corrego canalizado do Mandaqui,não acreditam? é verdade, tem tambem geladeira, fogão, sofá, mesa, cama e outros que tais de fazer inveja às “Casas Bahia”, kombi roubada, motor de avião, boneca inflável com cara de Kassab, pneu de trator…
Pneu de trator, esse pelo menos serviu pra salvar a vida da sogra do Zé Ruela que nele se entalou, foi a sorte!!! Não para o Zé Ruela, que diz -“Tinha que ser de trator !!!, trator é a cara dela, serve pra trabalhar na roça mas pra passear é um vexame!!!”.
Eu conheço a Dona Esperança, esse é o nome dela, o que faz de Zé Ruela um eterno otimista:
-“Quando eu penso que finalmente a perdi, ela sempre volta!!! poetiza e conformado completa:
-“É a última que morre !!!”
Dona Esperança é daquelas, vamos dizer…mulher de portão, mulher linguaruda, faladeira, agourenta, “rogadeira” de praga,”dedo de seta”, futriqueira, fuleira, fiscal da vida alheia, guarda noturno, inxirida, castigo de Deus, detratora de bebum, delegada da rua, vive saindo pra ir no orelhão fazer “disque denúncia”, a dentadura ela troca a cada dois meses porque derrete de tanto dar com a lingua nos dentes, embaixatriz dos infernos, porta voz do capeta e “moderna”. Moderna porque apesar de se dizer crente usa um enorme piercing de tarracha na bunda pra manter a castidade. Além disso a mulher é fria e seca feito um sorvete de bacalhau.
Atentem para esse diálogo:
-“Ô Zé Ruela, sabe aquele teu irmão mais novo que foi estudar longe e que voce mais gosta?
-“Claro Dona Esperança, que saudade, êle ligou?”
-“Não, ele morreu, quem ligou foi a namorada dele anteontem avisando!!!”
Outra, certa vez a familia inteirinha foi acompanha-la na audiencia com o juíz por ter roubado uma lata de sardinha no mercado, aí o juíz:
-” A senhora confirma o roubo?” ela:
-” Confirmo, mas o culpado é o excumungado do meu genro que não põe comida em casa” o juíz:
-” Bem então, como a senhora é de idade eu vou sentencia-la assim: Um dia no asilo para cada sardinha roubada, no caso cinco.”
Aí o Zé Ruela gritou lá do fundo:
-” Seu juíz !!! Ela roubou um saco de arroz também !!!
Até o próprio juíz lamentou que este outro roubo não constava dos autos para desespero do genro.
Na casa, que pertence ao Zé Ruela, moram alem dele, a mulher, a sogra e tambem várias cunhadas e um cunhado, umas seguiram o exemplo da mãe e odeiam homens, outras tem homens demais por trabalharem como autônomas e o unico cunhado homem, veste sempre a calça do avesso para que todo mundo veja seus bolsos de uma eterna falta de lastro monetário. Filhos, o casal nunca conseguiu ter por conta do movimento noturno na casa. Em uma dessas noites o Zé Ruela acordou no meio do sono com um corre-corre.Dona Esperança estava passando mal, aí foi até a sua cama, verificou, tentou sentir o bafo da velha e disse:
-“Não é nada !!! É só falta de ar, vamos dormir !!!
Zé Ruela, o único Petista da casa, só tem uma queixa do Presidente Lula, fechou os bingos, e acabou com o seu único momento de paz quando ela saía pra jogar fora em um único dia o dinheiro da pensão do finado marido.
A “mulézinha lazarenta” é tratada também por “Nariz de cachorro” porque toda vez que Zé Ruela chega do serviço, ela já chama a filha:
-“Ô Fia !!! vem cheirar o vagabundo do teu marido, tô sentindo rastro de puta da cabeça até o chulé !!!” mal sabe a velha que Zé Ruela depois do trabalho todos os dias ainda passa na igreja das almas para já ir se acostumando a rezar por ela e principalmente por ele e chega com os naturais odores provenientes de incenso e velas que para aquela “sensitiva” é tudo cheiro de cabaré.
Fiz questão de contar o que sei de Dona Esperança só para explicar porque ela e suas filhas não votaram em Marta nas ultimas eleições (o outro nem foi votar, esqueceu):
-“Não voto nela porque não gosto dela, depois que ela largou…” e por aí vai essa Demo-tucana (isso ela sabe que é) destilando o seu veneno e um festival de impropérios que nem aqui no “PTrem das Treze” pode-se publicar.
Já tem uns cinco anos que alguns caras da “Grande Mídia” pagam pra ela ser “Pauteira” e “Assistente Editorial” em suas redações então não é de se estranhar o comportamento da Imprensa com relação ao nosso Governo.
Ô gentinha pra praguejar contra o país e principalmente contra o Presidente do Povo Lula que ela também diz que não gosta desde quando ele ainda era sindicalista e segundo a “véia”, possuía uma mansão no Morumbi, foi ela que espalhou isso.
Midia, sogra, cunhado, Kassab, isso tudo não vale o que o gato enterra.
E agora soube de mais essa, quem diria, Dona Esperança além de tudo é “amante” de José Serra “O Sabugo Liso” vejam abaixo o único momento da vida dessa mulher em que ela foi flagrada dando UMA risada:

Desembargador mata a "pau" …

Durante a limpeza da lama provocada por conta da “vingança” daquela “Louca” aqui no “PTrem”, encontrei esse pedaço de jornal e descobri porque o nosso poder judiciário está tão em baixa.
Clique na imagem abaixo e leiam a sentença que um Desembargador de Brasília foi obrigado a proferir:


(fonte: Blog “Desabafo Brasil”)

"Cidade Limpa" é Mara….!!! PARTE 2

E atenção passageiros do “PTrem das treze” !!!
Notícias urgentes nos chegam dando conta de até onde pode chegar a “crueldade” do Prefeito Kassab “A Louca”.
Enquanto ele se vingava dos eleitores avessos ao seu “estilo fashion”, comemorava com todo o seu secretariado o atentado na periferia por ocasião das fortes chuvas no ultimo fim de semana. Vejam com seus proprios olhos a “festinha demo-tucana” em uma boite gay de São Paulo:

"Cidade Limpa" é Mara….!!!

Quero avisar aos passageiros que esse “PTrem” ficou sem circular por tres dias graças a incompetencia e maldade do Prefeito Kassab “A Louca”.Como esse trem não passa pelas areas nobres da cidade, mas só na periferia, aquela “Gazelaça” não mandou limpar os bueiros e com as fortes chuvas, adivinhem o que aconteceu? inundou tudo por aqui inclusive os nossos trilhos.Nas regiões centrais estava tudo sequinho, mas na periferia tem pobre tirando agua da orelha até agora . O Zé Ruela por exemplo foi “obrigado” a registrar um B.O. de sumiço da sogra, depois de uma “calorosa insistencia” da esposa , que também quase foi junto na enxurrada. Ele promete recompensar quem encontrar sua sogra com uma gaveta no mesmo jazigo que ele já tinha comprado pra elas e diz que se não estivesse em vigor a tal Lei Maria da Penha hoje ele seria mais um homem viúvo.
Ao longo da história “viados” costumam repetir o mesmo padrão de vingança com requintes de maldade quando se sentem contrariados. Nero tacou fogo na parte de Roma que lhe era contrária, e agora essa nossa “Cruela passiva” tenta afogar !!! Ambas eram e são tidas como “Loucas”.
Viadagens a parte o que se salvou desse episódio foi a cachaça. Enquanto a agua não baixava e o trem estava parado, o Roniquito, nosso maquinista bêbado, bebeu mais ainda até “umas horas”. Com o trem lotado e parado, imaginem o estado de nervos de todos aqui.Ele me chega em um dos vagões e grita bem alto:
-“No vagão de trás é tudo corno e nesse é tudo viado !!!
Levanta um negão depois de tres minutos, veja como ele era pesado, e responde:
-“Eu não sou viado !!!” e o Roniquito:
-“Então passa para o de trás porque voce está no vagão errado !!!”
Gente, devo confessar que depois de tanto trabalhar como “picador de bilhetes” e “segurança” nesse “PTrem”, foi o pior dia da minha vida, era corno dando porrada em viado, era viado “ninja” dando voadora em corno e só eu tentando apartar. Apanhei mais do que “tucano” em debate.
O Roniquito? tinha escapado e estava lá no “vagão bar” tomando mais uma junto com o Negão, vejam voces. É o que eu digo, a cachaça deveria receber todo ano o Premio Nobel da Paz, ninguem aproxima mais o ser humano do que ela.Cheguei até a mesa dos dois e quando eu já ía “intervir”,
o Roniquito me puxa para baixo e diz:
-“Senta com a gente que voce tem uniforme e o assunto aqui é federal e constitucional” (só entendi que ele queria dizer “constitucional” depois da sua quarta tentativa) ai o Negão perguntou:
-” O que voce acha da Lei Seca?”
-“Bem, eu respondi, no começo eu achava que o Presidente Lula tinha traído a classe trabalhadora, já que ele pode beber porque tem motorista, mas depois que eu vi os resultados da diminuição de mortes nas estradas e avenidas do país, mais uma vez dei razão a ele, o “homem” de fato bebe mas dirige o Brasil como ninguem o fez até hoje” aí o Roniquito:
-“Não, nós não estamos falando do Lula, nós estamos falando do outro.”
eu, -“Como assim?” ele:
-“Aquele “aposentado cinco vezes” do FHC. O cara não bebe, diz que nunca bebeu, mas se comporta como bebado toda vez que abre aquela sua boca de sovaco, veja o que ele andou falando ainda agorinha na reunião do partido dele, “merda” ele falou, falou “merda” de novo, o pior é que ele acaba denegrindo a imagem da “nossa categoria” já que se ele bebesse a gente poderia dar um desconto, não é mesmo. Esse sim deveria ser preso por dirigir mal, por ser invejoso, por andar com gente suspeita, por ter depredado o patrimônio nacional e principalmente por não gostar do nosso povo, nas minhas contas isso dá quase 80% do Brasil inteiro, que aprova com louvor o Presidente Lula !!! A Lei Seca deveria ser aplicada nele, mesmo sem beber !!!”
Conclusão minha: “A cachaça tem seus momentos de absoluta lucidez e quanto a “Bibas” estressadas, com mania de limpeza e “esposas de espanador” sugiro que bebam e não dirijam nada”